quinta-feira, 23 de agosto de 2012

MARACUJÁ, UM CALMANTE NATURAL

O Maracujá é uma fruta típica do Brasil  muito utilizada como calmante natural e ótima em sucos, sorvetes e mousses.











segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Nutrição para o Cérebro




 Dicas de alimentos que auxiliam no bom funcionamento do cérebro e que exercem benefícios para a memória. 
Adicione esses alimentos no seu dia a dia e melhore sua atenção, concentração e aprendizado.


OVOS, FÍGADO, SOJA, GÉRMEN DE TRIGO: São uma boa fonte de colina, um aminoácido que serve de matéria prima para a acetilcolina (um neurotransmissor fundamental para a memória e o aprendizado). A gema do ovo (130g de colina) é rica em vitaminas do complexo B, fundamentais para a facilitação da comunicação entre os neurônios. Por ser rica em colesterol, a quantidade indicada é de até 3 ovos por semana.


PEIXES: São ricos em Ácidos Graxos Ômega-3 (salmão, sardinha, atum, arenque, anchova e cavala) de ação antiinflamatória e que protegem os neurônios contra os radicais livres. Também são fonte de Vitamina D, importante para os ossos e renovação dos neurônios. 


MAÇÃ: Principal fonte de fisetina, um composto que favorece o amadurecimento das células nervosas e estimula os mecanismos cerebrais associados a memória. Uma maçã por dia já garante a quantidade necessária de fisetina diária. O morango, laranja, kiwi, pêssego, uva, espinafre e cebola também são boas fontes de fisetina.


GRÃOS INTEGRAIS: Por serem ricos em Vitaminas do Complexo B, ácido fólico e Vitamina B6 esses alimentos colaboram para que a troca de informações entre os neurônios ocorra sem sobressaltos o que auxilia na memória. 


FRUTAS VERMELHAS: Possuem flavonóides que também possuem efeitos benéficos na aprendizagem e na memória pois protegem os neurônios e são capazes de reverter déficits de memória.

VEGETAIS VERDES ESCUROS: (brócolis, couve, agrião, espinafre) ricos em antioxidantes e ferro, que ajuda a aumentar a concentração e reduzir o risco de declínios de memória relacionados com a idade.

domingo, 12 de agosto de 2012

sábado, 11 de agosto de 2012

Alimentos Orgânicos


 
ALIMENTOS ORGÂNICOS são aqueles produzidos no sistema de Agricultura Orgânica que é ecologicamente correto. São alimentos mais saudáveis, pois são produzidos sem o uso de agrotóxicos. São produzidos obedecendo os princípios da sustentabilidade, bem-estar anima e proteção ao meio ambiente. Devem eliminar o uso de organismos geneticamente modificados e radiações ionizantes em qualquer fase do processo de produção. Para merecer a denominação orgânico os alimentos precisam ser certificados de acordo com a Lei Federal 10.831.


BENEFÍCIOS:


  • É livre de agrotóxicos (pesticidas e aditivos químicos), por isso carregam mais nutrientes e duram mais;
  • Quem consome os produtos orgânicos garante que eles são mais saborosos;
  • Protege a qualidade das águas e a vida do solo (restauram os nutrientes do solo);
  • Protege as gerações futuras; 
  • Promove a biodiversidade;
  • Os animais são criados em ambiente natural e os produtos animais não contém resíduos de hormônios e antibióticos.







INCOVENIENTES:


  • Geralmente são mais caros, no Brasil o custo médio é de 30 a 40% maior que os produtos convencionais;
  • As vezes o orgânico é menor e nem sempre tão bonito quanto o convencional;
  • A produtividade é menor.



 
Teor de Agrotóxicos nos Alimentos



quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Linhaça, Chia e Quinua

TIPOS DE LINHAÇA: Existem 2 tipos de linhaça, a DOURADA (mais clara) e a MARROM (mais escura). Não há diferença na composição nutricional, ou seja, possuem os mesmos nutrientes, porém a marrom é cultivada em regiões de clima quente e úmido, com uso de agrotóxicos e a dourada é plantada em regiões frias e cultivada de forma orgânica.
O ÓLEO DE LINHAÇA é um dos alimentos mais ricos em Ômega 3
e Ômega 6. O Ômega 3 é um ácido graxo essencial que oferece vários benefícios à saúde, é antioxidante e renovador celular, favorece o metabolismo da gordura e a produção de energia, regulando as funções celulares e a cicatrização dos tecidos.
Os benefícios da linhaça são potencializados quando a semente é moída ou triturada. Você pode incluir em preparações como bolos, tortas, sopas ou acrescentar em frutas, iogurtes, vitaminas, etc. Podem tomar pessoas de todas as idades (crianças, adolescentes e anciãos, inclusive mulheres grávidas).
COMPOSIÇÃO NUTRICIONAL (15g): 43 Kcal; Carboidratos 1g; Proteínas 2g; Gorduras totais 3g; Gorduras Saturadas e Trans 0g; Fibra alimentar 3g; Ômega-3 (58%); Ômega-6 (16 %); Sódio 7,8mg.















As sementes de chia absorverem até 10 vezes o seu peso em água, mantêm o corpo hidratado.
Pode ser adicionada a sumos e batidos, iogurtes, saladas, cereais, sopas; ou pode ainda moê-las e adicioná-las na farinha para fazer pão.
NUTRIENTES (100g): Kcal(595); Proteínas(16g); Hidratos de carbono(44g); Lipídios(31g). Rica em ômega 3, fibras, cálcio, magnésio, potássio, proteínas e vitaminas do complexo B.













A composição da quinoa pode variar um pouco em razão da diversidade de sementes. Pode ser utilizada em pratos doces e salgados, além do grão, a farinha e os flocos da quinoa são utilizados na culinária em mingaus, bebidas, sucos de fruta, iogurte, em sopas, cozidos e em massa de tortas, pães e biscoitos.
NUTRIENTES (100g): Kcal (335); Proteínas (15g); Carboidratos (68 g); Lipídios ( 5g); Ferro (9,5 mg); Fósforo (286 mg); Cálcio (112 mg) e Fibras (5 g). Também estão presentes na composição: as vitaminas B1, B2, B3, C e E, magnésio, potássio, zinco e manganês.






domingo, 5 de agosto de 2012

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Fruta da Época - Bergamota Tangerina Mexerica




 





TIPOS DE BERGAMOTA










Refluxo Gastroesofágico

O Refluxo Gastroesofáfico (RGE) é muito comum nos primeiros anos de vida, principalmente até os seis meses. Três aspectos fazem o refluxo parecer mais frequente:  a alimentação líquida, a imaturidade do aparelho digestório e o fato da criança passar mais tempo deitada do que em pé.
Veja os cuidados que precisamos ter em relação ao RGE.